domingo, 26 de dezembro de 2010

.

Postado por Babi às 20:28
Reações: 
0 Comente aqui.
Sabe o que é estar sentindo uma vontade enorme de colocar algo para fora e não tem a mínima idéia de como fazê-lo, nem tão pouco, o motivo dessa vontade repentina? Então, estou me sentindo assim hoje.

Estou com vontade de escrever, escrever sobre qualquer coisa. Escrever sobre a vida, talvez. Não sei bem ao certo. Gostaria de saber.

Sabe quando a agonia te deixa desesperada por respostas que você não tem. Como poderia? Eu não tenho nem as perguntas.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Palavras, apenas.

Postado por Babi às 23:57
Reações: 
0 Comente aqui.
"Estar apaixonado pode ser muito enraçado, agente fica sem noção..." e cada dia mais eu concordo com isso. Eu sinceramente não sei o que me levou a abrir essa página e a começar a escrever. Só sei que estou aqui.

Eu sou uma pessoa de poucas palavras. Prefiro assim. Mas quando eu realmente me interesso pelo que estou escrevendo, não me censuro. Apenas escrevo. Escrevo para me curar de mágoas, escrevo para me abrir, escrevo por mim, escrevo para mim. 

Queria ter o poder das palavras, de com elas poder transmitir tudo que penso sobre tudo. Mas como disse anteriormente, não tenho opinião formada sobre tudo. Como poderia?

Acho que sei o que me trouxe até aqui. Foi o amor. O amor pelas palavras, o amor pelo poder que sinto ao coloca-las em ordem formando pequenos textos sem noção. É... o amor faz com que agente faça coisas idiotas, mas mesmo assim fazemos, pois por mais idiotas que possam parecer, essa é uma imagem que os outros terão de nós. E quem se importa?

Queria também poder me expressar tão facilmente como faço aqui. Mas aqui é tão mais simples. Posso dizer abertamente que estou apaixonada sem o medo de não ser recíproco. É libertador. Tão mais fácil. Quem não prefere essa simplicidade?

Creio que não estou preparada para ser reconhecida pelo meu uso de palavras. Como teria tal audácia. Não sou tão boa assim. Nem sequer sou relamente boa. Sou apenas eu, escrevendo para mim.

domingo, 19 de dezembro de 2010

Postado por Babi às 12:09
Reações: 
0 Comente aqui.
VESTIBULAR!

sábado, 18 de dezembro de 2010

Rock in Rio 2011

Postado por Babi às 12:49
Reações: 
0 Comente aqui.
• Risque as bandas que gostaria de poder ver.

Primeiro dia – Abertura (Los Hermanos, Foo Figthres, Coldplay, Móveis Coloniais de Acaju, Paul McCartney, Radiohead, Incubus, Copacabana Club, Link Park e Muse)

Segundo dia – Dia Pop (Avril Lavigne, Paramore, Blink-182, Vanessa da Mata, Justin Bieber, Shakira, Ivete Sangalo, Lady Gaga e Black Eyed Peas)

Terceiro dia – Dia Hard Rock (Nickelback, Titãs, Bon Jovi, AC/DC, Raimundos, Guns’N Roses e U2)

Quarto dia – Dia Teen (Pitty, Tokio Hotel, McFly, Tiago Iorc, Green Day, JONAS BROTHERS e Miley Cyrus) - QUE MERDA DE DIA HEIM!

Quinto dia – Dia Alternativo/Indie (Arctic Monkeys, Nando Reis, Bob Dylan, Pearl Jam, The Strokes, Red Hot, Skank, R.E.M. e The Killers)

Sexto dia – Encerramento – Dia Heavy Metal (Rush, Sepultura, Avenged Sevenfold, Metallica, Angra, Iron Maiden, Matanza, Evanescence, Slipknot e Ozzy Osbourne)

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Ria

Postado por Babi às 17:40
Reações: 
0 Comente aqui.

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Basta ouvir seu coração - Maurício Manieri e Ivan Lins

Postado por Babi às 19:49
Reações: 
1 Comente aqui.
O Sol quente das manhãs As noites de luar
A vida é tudo o que se quis
E um canto de amor
Mas de repente não há mais música no ar
E tudo é diferente do que você sonhou.
Se você sentir a solidão da escuridão
Pense em quem te faz feliz
A amizade tem um querer bem
Que esteja onde estiver
Tudo vai ser como é
Basta ouvir seu coração.
As lembranças vão surgir
É só você buscar
Abraços e sorrisos
Que ninguém pode apagar
Vão relembrar histórias que você já se esqueceu
Ninguém está sozinho
Se não existe adeus.
Se você sentir a solidão da escuridão
Pense em quem tem faz feliz
A amizade tem um querer bem
Que esteja onde estiver
Tudo vai ser como é
Basta ouvir seu coração.
Há um lugar em você
Onde está a alegria de viver
Preste atenção no que essa voz diz
Em seu coração
Você não vai se perder.

Para: Júlia, Bruninha, Inêz, Kelli, Gabrielly, Érika, Alemão, Pitico, Marina, Ramone, Katha, e muitas outras pessoas que fazem parte. Vocês que fazem a diferença na minha vida, me fazem feliz e me fazem ser quem eu sou. Me desculpe se esqueci de alguém, mas pra quem realmente é especial, eu deixo isso bem claro.

Amo vocês.

domingo, 12 de dezembro de 2010

E o amor...

Postado por Babi às 15:51
Reações: 
1 Comente aqui.
Tenho uma opinião formada sobre quase tudo, mas não sobre o amor. Afinal, como ter uma opinião formada sobre algo que muitos não sabem nem definir?

O amor aparece sem antes pedir licença, e quando vai embora, às vezes sem nem se despedir, deixa um vazio que é quase impossível de preencher novamente. A sensação de que algo está preso em nossa garganta nos deixa cada vez mais tristes e com uma vontade enorme de que isso passe logo. É como uma doença sem cura, a qual você pode ser forte o bastante e sobreviver ou morrer aos poucos.

Acho que tenho sim uma opinião. É a seguinte: porque agente não se apaixona uma vez só na vida? Somente pela pessoa com a qual passaremos o resto de nossas vidas, com quem construiremos uma família e com a qual passaremos os melhores momentos até que a morte venha nos buscar. Juntos.

Seria tudo tão simples. Curtiriamos a vida com muito mais liberdade e sem medo de ser pega desprevinida pelo amor. É triste a verdade, mas você conhece o velho ditado: Faça o que eu falo não faça o que eu faço.

Leia mais alguma coisa sobre o assunto clicando aqui.

Conto de fada do século XXI

Postado por Babi às 15:27
Reações: 
0 Comente aqui.
Era uma vez uma linda moça que perguntou a um lindo rapaz:

- Você quer casar comigo?
Ele respondeu:
- NÃO!
E a moça viveu feliz para sempre, foi viajar, fez compras, conheceu muitos outros rapazes, visitou muitos lugares, foi morar na praia, comprou outro carro, mobiliou sua casa, sempre estava sorrindo e de bom humor, nunca lhe faltava nada, bebia cerveja com as amigas sempre que estava com vontade e ninguém mandava nela. O rapaz ficou barrigudo, careca, o pinto caiu, a bunda murchou, ficou sozinho e pobre, pois não se constrói nada sem uma MULHER

Veríssimo.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Pesâmes...

Postado por Babi às 19:31
Reações: 
0 Comente aqui.
- Porque levá-lá tão cedo? - os familiares e amigos se perguntavam o tempo todo quando eu adentrei à sala onde estava o caixão. Todas as pessoas que eu conhecia e alguns que eu nunca tinha visto estavam ali, chorando.
Quando olhei para um canto mais reservado da sala, consegui ver, ao longe, a mãe que secava incontáveis vezes seu rosto lavado em lágrimas enquanto se fazia a mesma pergunta. Me aproximei, abaixei para olhar diretamente nos olhos dela, que mesmo embebidos em lágrimas, olharam de volta. Sequei uma nova lágrima que acabará que cair com um pequeno lencindo de pano que eu havia levado.
- Obrigada por vir! - me disse quase sem voz.
- Ela era uma irmã para mim, a sonhora sabe. - respondi tentando manter minha voz o mais normal possível, diante da mãe da minha melhor amiga.
- Não entendo. Os médicos me falaram que ela havia melhorado. Porque Deus quis levá-la de mim? -agora sua voz parecia mais forte apesar dos pequenos soluços.
- Ela era especial, tinha um sorriso que mais ninguém tinha...
- Então porque? - perguntou novamente.
- Não posso te dar uma resposta concreta, mas na minha opinião, Deus a quis perto dele. Tudo acontece por algum motivo, ele deve ter tido o dele.
- Vai ver ele queria ver aqueles pés horrorosos mais de perto - disse dando uma pequena risada discreta ao lembrar das constantes reclamações do tipo "Manhê, esse sapato fica horrível no meu pé" "A única coisa que eu mudaria no meu corpo são meus pés"...
- Ela não precisará  mais de pés, pois ganhará asas que permitirão sua ida a todos os lugares que sonhou, como num passe de mágica.

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Crônica do Amor

Postado por Babi às 20:57
Reações: 
0 Comente aqui.
Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta.

O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.
Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referenciais.
Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca.
Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.
Você ama aquela petulante. Você escreveu dúzias de cartas que ela não respondeu, você deu flores que ela deixou a seco.
Você gosta de rock e ela de chorinho, você gosta de praia e ela tem alergia a sol, você abomina Natal e ela detesta o Ano Novo, nem no ódio vocês combinam. Então?
Então, que ela tem um jeito de sorrir que o deixa imobilizado, o beijo dela é mais viciante do que LSD, você adora brigar com ela e ela adora implicar com você. Isso tem nome.
Você ama aquele cafajeste. Ele diz que vai e não liga, ele veste o primeiro trapo que encontra no armário. Ele não emplaca uma semana nos empregos, está sempre duro, e é meio galinha. Ele não tem a menor vocação para príncipe encantado e ainda assim você não consegue despachá-lo.
Quando a mão dele toca na sua nuca, você derrete feito manteiga. Ele toca gaita na boca, adora animais e escreve poemas. Por que você ama este cara?
Não pergunte pra mim; você é inteligente. Lê livros, revistas, jornais. Gosta dos filmes dos irmãos Coen e do Robert Altman, mas sabe que uma boa comédia romântica também tem seu valor.
É bonita. Seu cabelo nasceu para ser sacudido num comercial de xampu e seu corpo tem todas as curvas no lugar. Independente, emprego fixo, bom saldo no banco. Gosta de viajar, de música, tem loucura por computador e seu fettucine ao pesto é imbatível.
Você tem bom humor, não pega no pé de ninguém e adora sexo. Com um currículo desse, criatura, por que está sem um amor?
Ah, o amor, essa raposa. Quem dera o amor não fosse um sentimento, mas uma equação matemática: eu linda + você inteligente = dois apaixonados.
Não funciona assim.
Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC. Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível.
Honestos existem aos milhares, generosos têm às pencas, bons motoristas e bons pais de família, tá assim, ó!
Mas ninguém consegue ser do jeito que o amor da sua vida é! Pense nisso. Pedir é a maneira mais eficaz de merecer. É a contingência maior de quem precisa.
Arnaldo Jabor

Música de hoje:
Since I don't have you - Guns N'Roses
 

Esse é o MEU conto de fadas. Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Emocutez